Skip to main content
Saúde

7 motivos para tomar a vacina da gripe

Mesmo que pareça uma doença simples, sem muitas complicações, a gripe é responsável por milhares de internações e mortes todos os anos.

Com isso, mesmo que algumas medidas como evitar lugares com muitas pessoas, sempre lavar as mãos e evitar o compartilhamento de objetos pessoais sejam tomadas, é essencial garantir a imunização de pessoas, independente da idade, para evitar as formas mais agravadas da doença.

Essa imunização é feita através da vacina da gripe, que deve ser tomada por pessoas de todas as idades. Hoje trouxemos algumas informações importantes para que você conheça um pouco mais sobre a doença e alguns motivos para tomar a vacina da gripe. Confira a seguir:

Leia também: Sintomas físicos e psicológicos da ansiedade

Médicos plantonistas na palma da sua mão

Quero consultar agora

Médicos plantonistas na palma da sua mão

Conheça mais sobre a gripe

A gripe é uma doença viral que pode causar alguns sintomas como dores no corpo, febre, dores na garganta, dores de cabeça e tosse. Mesmo que seja considerada por muitas pessoas como uma doença simples de lidar, ela pode gerar complicações mais graves.

Essas complicações podem ser observadas principalmente em gestantes e idosos, podendo levar a doenças como pneumonia bacteriana secundária.

Essa gripe pode ser transmitida de pessoas para pessoas através de gotículas que são eliminadas pela pessoa infectada quando ela fala, tosse ou espirra, por exemplo.

Além disso, outra forma de contrair a gripe é através do uso de objetos que estão contaminados por essas gotículas, pois geralmente são levados a boca, nariz e olhos.

Para impedir que haja contaminação e transmissão da gripe, existem algumas medidas que devem ser levadas em consideração, como manter as mãos sempre limpas, usar um lenço ou tapar a boca e nariz quando for espirrar ou tossir, evitar o contato com pessoas doentes, evitar levar as mãos ao nariz, olhos e boca sem antes higienizá-las e claro, se vacinar.

Vacina contra a gripe: saiba mais sobre o assunto

A vacina contra a gripe é uma das formas de imunização ativa contra o vírus da gripe, ou, como também é conhecido, o vírus Influenza.

Existem quatro tipos desses vírus atualmente, mas no Brasil, podemos encontrar apenas três tipos: A, B e C.

vírus da gripe tipo A é o principal responsável pelas pandemias, como a que aconteceu em 2009, quando diversos casos de gripe foram encontrados, provocando uma grande pandemia.

Todos os anos uma verificação é feita para analisar quais são os tipos de vírus influenza que estão circulando em maior quantidade no país, e a partir disso, uma vacina é desenvolvida para fazer esse monitoramento e controle.

Com isso, você pode entender que a vacina que foi administrada em um determinado ano, provavelmente não será administrada novamente no ano seguinte.

As campanhas de vacina contra a gripe acontecem geralmente antes do inverno, quando o vírus da gripe ainda está em grande circulação. Essas campanhas são iniciadas em abril, comumente, mas em alguns casos, ela pode ser antecipada.

7 motivos para se vacinar contra a gripe

Para que você possa se sentir encorajado e entender um pouco mais sobre a importância de participar da campanha de vacinação contra a gripe, hoje trouxemos alguns dos principais motivos para que você possa se vacinar contra a gripe. Confira a seguir:

1. Garantir a proteção contra o vírus

Um dos principais motivos, e talvez um dos mais óbvios, para tomar a vacina da gripe é se proteger contra o vírus. Se vacinar durante as campanhas vigentes de vacinação é fundamental para estar protegido antes mesmo de acontecer um surto de gripe durante os meses de junho e julho, que são mais comuns no Brasil por conta do clima.

O mais recomendado pelos médicos é que as pessoas estejam com a vacina contra a gripe atualizadas até o final do mês de maio, antes mesmo que chegue o período em que a circulação do vírus é maior.

Dessa forma, é possível que uma cobertura mais elevada seja feita a partir da vacinação no tempo certo. Mas, mesmo que você não tenha se vacinado durante o prazo previsto, a dose deve ser tomada ainda assim, para conseguir garantir a proteção, principalmente de crianças, durante a epidemia de gripe nos meses mais frios.

2. Evitar doenças preveníveis

Outro motivo que deve te levar a tomar a vacina da gripe é evitar contrair doenças que são preveníveis.

Quanto maior a desistência da vacinação contra a gripe, maior o aumento dos casos graves de doenças e menos a cobertura contra o vírus. Essa cobertura tem caído com o passar dos anos, e essa queda é por conta da ausência do conhecimento de que a gripe pode sim ser uma doença grave.

É comum que, com o sucesso das vacinas em controlar as doenças, as pessoas acreditem que não precisam se prevenir, fazendo com que essa cobertura caia, mas o risco permanece o mesmo.

Por isso, é muito importante colocar em prática as ações de vacina contra a gripe, fazendo com que haja comunicação e adesão a essas vacinas.

3. Evitar a síndrome respiratória

A síndrome respiratória é uma doença que, mesmo em crianças, pode causar sérios problemas. A gripe pode acabar levando ao aparecimento de síndromes respiratórias, tanto em crianças quanto adolescentes e adultos.

Essa doença é causada por uma infecção por vírus respiratório, como o da gripe, que pode trazer sintomas como dispneia, febre, insuficiência respiratória, e em muitos casos, sintomas mais graves, que podem gerar internações em UTI, precisando até de suporte de oxigênio, dependendo dos casos.

Quando essa doença não for tratada da maneira adequada, ela pode levar até a morte, principalmente em pessoas mais novas.

4. Pois a proteção não é para sempre

A proteção contra a gripe não é para sempre, e sim, temporária. Por conta disso, as campanhas de vacinação precisam fazer parte do seu ano.

A diminuição da cobertura pela vacina da gripe, ainda como com outras vacinas, está alterando o ciclo de surtos das doenças e por isso, o número de casos está cada vez maior.

Somente no ano de 2022, mais de 5 mil casos de gripe foram notificados no Brasil. Em 2021, esse número foi de 10 mil casos, ou seja, este ano, o número já está na metade.

Desse modo, os médicos afirmam sobre a necessidade de se vacinar novamente contra a gripe durante as campanhas, mesmo que essa vacina tenha sido tomada no ano anterior, quando o surto de gripe atingiu o país por conta do número reduzido de vacinas tomadas.

Por conta das vacinas mudarem todos os anos, é preciso que a vacinação seja feita de forma anual, afinal, o imunizante não possui proteção prolongada, e sim, protege o organismo por até 8 meses.

5. As crianças podem ser vetores para os idosos

Outro motivo que faz com que a vacina da gripe seja importante de ser tomada é porque as crianças podem ser vetores de transmissão alta para o vírus da gripe, principalmente em idosos.

As crianças podem passar o vírus da gripe para todos os membros da família, e no caso dos idosos, essa doença pode ser hospedada no organismo de forma mais agravada, por conta da vulnerabilidade deles.

Quando as pessoas não se vacinam, elas podem acabar transmitindo gripe para toda a população, e mais de 70% das mortes por conta de gripe estão relacionadas aos idosos, que possuem fatores de risco aumentado por conta de doenças cardiovasculares, doenças como obesidade, diabetes e asmáticas, por exemplo, ou outras comorbidades.

6. A vacina contra a gripe não causa gripe

Muitas pessoas acreditam que a vacina contra a gripe pode causar gripe logo após serem vacinadas, mas isso não é verdade.

A Organização Pan-Americana de Saúde diz que o que pode acontecer é que talvez a pessoa tenha adquirido o vírus da gripe antes de ser imunizado, e por demorar cerca de 2 semanas depois da vacinação para os sintomas aparecerem, ela acredita nesse mito.

Também é comum que a pessoa tenha contraído outro tipo de doença respiratória, como o resfriado, por exemplo, fazendo com que ela acredite que a vacina da gripe trouxe a gripe para o seu corpo.

7. As gestantes devem tomar a vacina

As mulheres grávidas podem tomar a vacina da gripe, principalmente sendo uma das medidas mais importantes para preservar a saúde da mãe e do bebê contra a doença.

Segundo o Ministério da Saúde, a vacina da gripe para esse público diminui o risco de infecção pela metade, principalmente por doenças respiratórias agudas, que podem levar ao risco de hospitalização em mulheres gestantes.

vacina contra a gripe deve ser prioridade das pessoas durante a campanha de vacinação, sejam elas crianças, jovens, adultos ou idosos. Isso porque, essa vacina faz com que a manifestação do vírus da gripe em nosso corpo, depois da imunização, seja mais leve e fácil de tratar, evitando o agravamento da doença.

Como a teleconsulta pode ajudar?

Agora que você entendeu como é importante se vacinar contra a gripe e quais os motivos para tomar essa vacina, busque participar das campanhas de vacinação todos os anos, principalmente pelo fato de que a imunização é temporária.

Caso você esteja com sintomas da gripe ou outra infecção respiratória, consulte com um médico online. O teleatendimento é muito efetivo e procurado para esse tipo de atendimento. Oferecemos um plantão com médicos disponíveis 24h para cuidar da sua saúde. Acesse o site e saiba mais.